×

Padres Nilo e Zezinho celebram Bodas de Prata

quinta-feira, 05 de fevereiro de 15 às 15:30 | Atualizado às 15:48
Padres Nilo e Zezinho celebram Bodas de Prata

Na última quarta-feira, dia 04 de fevereiro, na Igreja Matriz de Sant’ana, em Itaúna, à noite, aconteceu uma Solene Eucaristia Festiva, em comemoração aos 25 anos de Sacerdócio dos padres Nilo Caetano Pinto e José Geraldo Flores.

Com a Igreja lotada de fiéis, dom José Carlos de Souza Campos, bispo de Divinópolis, presidiu a Santa Missa, que contou também com as presenças de Dom Célio de Oliveira Goulart, bispo de São João del Rei e do estimado Dom José Belvino do Nascimento, bispo Emérito de Divinópolis. Vários padres da Diocese de Divinópolis também estiveram presentes para concelebrar com o bispo de Divinópolis, são eles: padre Carlos Henrique, padre Rodrigo Botelho, padre Valmir, padre Aldair, padre Everaldo, padre Gilmar, padre Edilson, padre Francisco Cota, padre Guilherme e padre Leonardo.


Dom José Carlos, em sua rica homilia, destacou algumas virtudes e traços da personalidade de Pe. Nilo e Pe. Zezinho;  assinalando que, apesar das  fragilidades humanas,   contamos  diuturnamente com a Graça de Deus – para aqueles que se abrem à mesma.


O Pe. Nilo, é muitíssimo conhecido e admirado em Itaúna; tendo sido professor de Educação Física da Escola Estadual de Itaúna durante muitos anos. Trata-se de um homem modelar em sua vivência cristã; tanto como o esposo que foi, como pai, avô, professor e hoje padre da Santa Igreja. Dom José Carlos destacou  a vida de intensa oração do Pe. Nilo, que é muito procurado, inclusive pelos colegas do Clero, como orientador e conselheiro espiritual. Já o Pe. Zezinho, que é o Pároco de Nossa Senhora da Piedade, do bairro da Piedade, marcou sua vida sacerdotal, além de outros méritos, pela vida missionária, desenvolvida durante dez anos, nos EUA e na Inglaterra.


Os jubilandos, Pe. Nilo e Pe. Zezinho receberam os cumprimentos de inúmeros sacerdotes que se fizeram presentes na grande solenidade e também de centenas  de fiéis , que participaram também de um saboroso e farto café colonial,  servido defronte à Matriz de Sant’ana.


Em tempos de carência dos verdadeiros valores cristãos na Sociedade, a celebração católica manifestou de público e de forma eloquente a esperança e a necessidade de pessoas gradas e boa vontade,  que levem a Palavra de Deus a todos os corações!


Feliz Itaúna por contar com a presença e o trabalho apostólico  de homens como nossos Pe. Nilo e Pe. Zezinho.

 

 

 

Texto Luiz Mascarenhas

Fotos: Cristina Santos

Notícias Relacionadas

24 abr 15
17 fev 21
19 out 18
23 ago 13

Parceiros