×

Paróquia Diocese

Paróquias

Monge Budista visitou Rádio Santa Cruz e foi entrevistado por Pe. Gabriel

quinta-feira, 10 de março de 16 às 09:00 | Atualizado às 09:25
Monge Budista visitou Rádio Santa Cruz  e foi entrevistado por Pe. Gabriel

A  Campanha da Fraternidade de 2016 tem chamado a atenção de todos, e não apenas dos católicos, por causa da relevância do tema abordado. Independentemente da religião que se pratica, o saneamento básico é um tema que envolve a todos.  Essa foi a terceira campanha ecumênica. Ecumenismo diz respeito às religiões cristãs. Mas, a produção da campanha promoveu também um diálogo inter-religioso. No vídeo produzido pelos coordenadores,  diversos líderes religiosos deram seus   depoimentos, dentre eles, a Monja Coen, do Zen Budismo. Coincidentemente, passou, há pucos dias, por Pará de Minas, o Monge Gyouun Vieira, do Budismo Primordial. Ele estava se dirigindo para Belo Horizonte e, na ocasião, visitou Pe. Gabriel, na Rádio Santa Cruz, e visitou também a  Faculdade de Pará de Minas, onde deu uma entrevista. Vieira é natural do Paraná e há dois anos pratica o Budismo onde afirma ter encontrado mais serenidade. No vídeo, abaixo, ele fala sobre sua iniciação e sobre a sua ramificação:

 

 

 

 

 

o Budismo Primordial – HBS, surgiu com o objetivo de proporcionar a todos a felicidade plena, independentemente de possíveis diferenças e circunstâncias que possam existir entre os seres.  Ele tem como  prática fundamental  o pronunciamento do Odaimoku e os ensinamentos do Sutra do Lótus, a essência da compaixão de Buda e tem  como meta principal, atingir o estado de iluminação de Buda através da ação altruísta e da eliminação de carmas negativos (zaishou). Chegou ao Brasil em 1908, com os imigrantes japoneses. Uma das atribuições dessa vertente budista é promover um diálogo respeitoso entre as ramificações budistas ou até mesmo com outras religiões. Gyouun Vieira  afirma que apesar das diferenças entre os homens é  sempre possível pensar numa convivência harmoniosa. Confessa que, para ele e para sua vertente budista é sempre muito triste ver atitudes de agressões e intolerância em nome da fé. Confira, abaixo:

 


 

 

Há, atualmente, cerca de 270 templos do Budismo Primordial  no Japão. A expansão para o exterior teve início no século XX. Está nos seguintes países: Coreia do Sul, República Popular da China, República da China, Estados Unidos da América, Sri Lanca, Austrália, Itália, além do Brasil, que é o maior país em número de adeptos, fora do Japão, hoje com 11 templos e vários grupos de expansão, inclusive em Pará de Minas.


Para o Monge Vieira, os formadores de opinião e líderes religiosos tem grande importância na promoção de uma sociedade mais fraterna e ecumênica. Segundo ele, devemos abrir mão do próprio culto ao ego para pensar no outro. Isso é prova de grande sabedoria pois a minha felicidade passa, necessariamente, pela felicidade do outro. Veja mais:

 

Notícias Relacionadas

19 abr 18
15 abr 15
27 jul 16
03 jun 15

Parceiros