×

Matriz de Nossa Senhora do Pilar

segunda-feira, 15 de julho de 13 às 09:54 | Atualizado às
Matriz de Nossa Senhora do Pilar

Matriz de Nossa Senhora do Pilar

Centro

 

A Igreja Católica Apostólica Romana jamais criou uma diocese, paróquia ou benefício, sem ao mesmo tempo indicar-lhe um Orago para seu Titular: seja um anjo da Corte Celestial, seja a Virgem Mãe de Deus, o Ssmo. Sacramento, um Santo ou Santa da Igreja de Deus. Nossa Senhora do Pilar, padroeira e protetora dos bandeirantes, foi, desde o início da criação da paróquia em 1703, Orago ou Titular da Matriz e freguesia de Pitangui.


Somente em 16 de fevereiro de 1724, o rei de Portugal, Dom João V, reconheceu e confirmou a ereção Canônica da freguesia de Nossa Senhora do Pilar de Pitangui, efetuada a pedido do Bispo do Rio de Janeiro, Dom Frei Francisco de São Jerônimo, no ano de 1703. Houve, então, outorga recíproca de privilégios dos poderes cívico-religiosos e a confirmação perpétua de Orago da freguesia, Nossa Senhora do Pilar de Pitangui. Passou a prevalecer na paróquia o privilégio, ou Lei do Padroado, lei que cessou com o advento da república brasileira.

Notícias Relacionadas

16 jan 14
25 jun 13
03 out 13
29 jan 14

Parceiros