×

Conteúdo

Recomendações do Bispo: Os mais pobres precisam ser alvo prioritário da boa política

sexta-feira, 16 de outubro de 20 às 07:00

 “A caridade [social], coração do espírito da política, é sempre um amor preferencial pelos últimos, que subjaz a todas as ações realizadas em seu favor. Só com um olhar cujo horizonte esteja transformado pela caridade, levando-nos a perceber a dignidade do outro, é que os pobres são reconhecidos e apreciados na sua dignidade imensa, respeitados no seu estilo próprio e cultura e, por conseguinte, verdadeiramente integrados na sociedade. Um tal olhar é o núcleo do autêntico espírito da política. [...] ‘Não se pode enfrentar o escândalo da pobreza promovendo estratégias de contenção que só tranquilizam e transformam os pobres em seres domesticados e inofensivos. Como é triste ver que, por detrás de presumíveis obras altruístas, o outro é reduzido à passividade’. É necessário haver distintos canais de expressão e participação social. A educação está ao serviço deste caminho, para que cada ser humano possa ser artífice do seu destino” (Papa Francisco, Fratelli tutti, 187, 2020). Os mais pobres não podem ser bandeira política, de esquerda e de direita, mas precisam ser alvo prioritário e privilegiado da caridade social da boa política. - Dom José Carlos.

Notícias Relacionadas

12 nov 18
03 abr 17
28 mar 19
23 fev 19

Parceiros