×

Conteúdo

Núncio Apostólico preside Missa de inauguração do Seminário Diocesano São José

terça-feira, 24 de julho de 18 às 15:00

A Diocese começou a celebrar, no dia 11 de julho deste ano de 2018, o seu Jubileu de Diamante. A Diocese de Divinópolis, criada no dia 11 de julho de 1958, pela bula “Qui a Christo”, do Papa Pio XII, é desmembrada da Arquidiocese de Belo Horizonte e da diocese de Luz. A instalação aconteceu no dia 17 de maio de 1959, quando foi sagrado o seu 1º Bispo Diocesano, Dom Cristiano Frederico Portela de Araújo Pena. A primeira celebração do Jubileu foi na Forania de São Bento. As festividades na forania começaram em cada paróquia que compõem a forania. Centenas de fiéis saíram, em carreata, com a padroeira de cada paróquia, sentido à cidade de Itapecerica, onde aconteceram as festividades de início do Jubileu. Todas as sete paróquias da Forania de São Bento tiveram uma participação considerável. A solenidade contou com a presença do Bispo Diocesano, Dom José Carlos, do Arcebispo de Juiz de Fora, Dom Gil Moreira, o Vigário Geral, Padre Paulo Sérgio Diniz, e de todos os padres que atualmente trabalham na Forania.


Após dois dias de visita na Diocese de Divinópolis, por ocasião da Abertura Diocesana do Jubileu de Diamante (veja aqui), o Núncio Apostólico, Dom Giovanni d’Aniello, esteve, na manhã desta segunda-feira, 23 de julho, no Seminário Diocesano, situado na cidade de Belo Horizonte, para a Cerimônia de Inauguração, após quase dois anos de reformas. A Santa Missa, que foi presidida pelo Núncio Apostólico, foi concelebrada por Dom José Carlos, Bispo de Divinópolis; por Dom Walmor de Oliveira, Arcebispo de Belo Horizonte; por Dom José Belvino, Bispo Emérito de Divinópolis; por Dom Aristeu, Bispo de Luz; e por dezenas de padres. A celebração  contou com a presença de todos os seminaristas.

 

A cerimônia foi iniciada com o Núncio Apostólico, passando a chave da capela para o Reitor do Seminário, simbolizando a inauguração. Em seguida, Dom GIovanni aspergiu água benta na capela:

 

 

 

Em sua homilia, o Núncio falou diretamente aos seminaristas sobre a importância da vida de oração do sacerdote:

 

 

Após a Bênção Final, aconteceu a bênção das instalações do Seminário:

 

 

E, por fim, Dom José Carlos se pronunciou sobre todo este processo de reforma:

 

 

A reitoria do Seminário Diocesano está sob a responsabilidade do Padre Daniel Leão, desde o ano de 2014.  Padre Daniel está muito feliz com a conclusão das reformas no Seminário Diocesano.


 

Segundo o Reitor, a reforma do seminário surgiu com a necessidade de aumentar o espaço para acolher mais seminaristas, pois diante da quantidade de vocações de nossa diocese, o espaço já não suportava novos seminaristas. Atualmente, o espaço tem a capacidade de acolher 60 vocacionados.

 

 

Para o Bispo Diocesano, Dom José Carlos, a conclusão da reforma do seminário foi o resultado de muita luta e muita parceria. Ainda, segundo Dom José Carlos, o seminário é também um presente das comunidades para a Diocese de Divinópolis, pois a reforma foi feita através de um de grande e belo mutirão para conseguir recursos.


 

A partir do mês de agosto, acontecerão visitas das paróquias ao Seminário, em BH. Sempre nas segundas-feiras. As visitas estão divididas por foranias. CLIQUE AQUI e confira toda a programação das visitas. Padre Daniel reforça o convite para que todos possam visitar o Seminário.


 

Mesmo com as obras concluídas, ainda temos que arcar com algumas despesas da reforma. E, além dessas despesas, ainda temos o valor mensal da manutenção do dia-a-dia do Seminário.


 

Você pode ajudar o Seminário através da Campanha Acredito no Sim. CLIQUE AQUI e fique por dentro das formas de ajudar no seminário.

 

CLIQUE AQUI e confira a programação completa do Jubileu de Diamante da Diocese de Divinópolis.

 

 

POR TÚLIO VELOSO E GEISE RIOS

Notícias Relacionadas

18 mar 19
20 ago 18
09 out 18
19 abr 19

Parceiros