×

Histórico da Paróquia dde Santo Antônio - Pará de Minas

A construção da Igreja de Santo Antônio deu-se em duas fases: numa primeira fase, construiu-se o salão em 1973 e em 1974 começou-se a construção da Capela de Santo Antônio, conhecida como Santo Antônio do Paiol pelo Cônego Hugo e com a ajuda da Zilda.

 

Quanto às reformas, a primeira reforma foi a troca das telhas por laje. A segunda, foi a ampliação da Igreja, a terceira foi a construção do altar e a quarta, a reforma da Igreja. Num primeiro momento, a Igreja recebeu o nome de Capela de Santo Antônio do Paiol, no entanto, foi-lhe dado o nome de Igreja de Santo Antônio, nome este, que permanece até os dias atuais.

 

A Igreja de Santo Antônio fazia parte da Paróquia Nossa Senhora da Piedade. Os padres Adriano, Lisboa, Hermane, Cirilo, Grevi, Ricardo, Guilherme, José Augusto foram aqueles que ajudaram o Cônego Hugo  no Bairro. Em 1994, a Igreja de Santo Antônio passou a pertencer à paróquia de São Pedro cujo pároco era o Padre Geraldo Gabriel, depois passou para o Padre Rafael que assumiu com muita alegria e satisfação. A Comunidade ganhou inúmeros benefícios, principalmente os mais jovens, pois, foi fundado o grupo de jovens Juza, o Apostolado da Oração, a Legião de Maria, a Conferência e para as crianças o Catecismo. Mas, o melhor de tudo isso, é que nossa Capela de Santo Antônio do Paiol, lá num canto de um bairro pobre, humilde, com o passar dos tempos, torn-se-á numa bela Comunidade de Santo Antônio, onde todos trabalham com alegria e entusiasmo. A Comunidade de Santo Antônio passou a ser Paróquia no dia 13 de junho de 2008, pelo decreto 103, assinado pelo Bispo Diocesano Dom José Belvino do Nascimento, nomeando o Rev.mo Sr. Pe. Jair Simão como seu primeiro Administrador Paroquial.

Parceiros