×

Histórico da Paróquia de São Sebastião - Juatuba

Antes de ser erigida, a Paróquia São Sebastião, Juatuba, foi comunidade paroquial da Paróquia Santo Antônio de Mateus Leme. Muitos seminaristas, hoje padres, realizaram estágios pastorais e ajudaram a comunidade nesse período. Percebendo a necessidade de se criar uma nova paróquia para atender melhor os fiéis desta localidade, foi criada no dia 07 de julho de 1993, pelo decreto n. 51, a Quase-paróquia de São Sebastião de Juatuba que começa no limite natural da diocese, o Rio Paraopeba, fazendo divisa pela esquerda com as paróquias de Santo Antônio de Igarapé e Mateus Leme; e, pela direita com a paróquia de São Sebastião de Florestal.  A Quase-Paróquia teve como primeiro administrador paroquial o Revmo. Pe. Luís Carlos Amorim.


Em janeiro de 1994 o Revmo. Pe. Moacir Cândido Rodrigues foi designado para a Quase-Paróquia como Administrador Paroquial. Aos 12 de outubro deste mesmo ano, pelo decreto n. 55 foi ereta definitivamente a Paróquia de São Sebastião de Juatuba, tendo como primeiro pároco o Revmo. Pe. Moacir Cândido Rodrigues.


A missa de instalação da Paróquia aconteceu na manhã do dia 12 de outubro de 1994, na então Matriz de São Sebastião, hoje Capela São Cristóvão. Foi presidida pelo Sr. Bispo Diocesano Dom José Belvino do Nascimento, concelebrada pelo Revmo. Pe. Moacir Cândido Rodrigues, que tomou posse como Pároco durante a missa, e pelo então reitor do seminário, Revmo. Pe. Paulo Pereira. Durante a homilia Dom José explicou como a Igreja se organiza, tendo o Papa como centro de unidade, as Igrejas Particulares nas Dioceses governadas pelo Bispo, as Paróquias que ficam na responsabilidade de um pároco, e as comunidades vinculadas à paróquia. Após a santa missa houve uma procissão até o local onde hoje está construída a atual Matriz, a casa Paroquial e futuramente será construído o centro Pastoral Paroquial. Chegando ao local Dom José deu a bênção na presença de muitos fiéis.


No dia 08 de fevereiro de 2005, vítima de um câncer, faleceu o então pároco de Juatuba, o Revmo. Pe. Moacir Cândido Rodrigues. Na missa de sétimo dia, o Bispo Diocesano comunicou aos paroquianos que, temporariamente, a Paróquia ficaria na responsabilidade do Diácono Joaquim Antônio Gonçalves, designado para a Paróquia em 10 de fevereiro de 1995.  No dia 01 de março de 1995, numa quarta-feira de cinzas, Dom José Belvino deu posse ao novo Pároco, o Revmo. Pe. Frei José Frey, OFM que assumiria uma difícil missão: a construção da nova Matriz. O crescimento demográfico tornara a antiga Matriz muito pequena para o número de fiéis. Necessitava também construir a casa paroquial, dado que os padres moravam numa casa alugada na cidade.
No início do ano de 1996 começou a construção da nova Matriz. Os poucos recursos da Paróquia obrigou as comunidades paroquiais a se unirem na realização de eventos para levantar fundos para a construção.


No dia 20 de janeiro de 2001, a nova Matriz da Paróquia São Sebastião de Juatuba foi inaugurada. A Celebração de inauguração começou com uma procissão com a imagem do santo padroeiro da antiga igreja em direção à nova Matriz. Uma multidão de fiéis participou dessa celebração. A santa Missa foi presidida pelo bispo diocesano, Dom José Belvino do Nascimento, que abençoou a nova Matriz, e concelebrada pelos Revmos. Padres Vicente Ferreira de Lima e Geraldo José Maia.


No dia 18 de fevereiro de 2001, tomou posse o terceiro pároco de Juatuba, Pe. Emanuel Cordeiro Costa. Neste período a Paróquia necessitava de um fortalecimento pastoral principalmente nas comunidades nascentes. Os bairros novos, distantes da Matriz, impossibilitava a participação dos fiéis católicos das atividades de sua Igreja. Várias comunidades paroquiais ganharam estruturação neste período: formação de Conselhos, formação litúrgica, incentivo pastoral.


No dia 30 de janeiro de 2005, às 19h30, tomaram posse, durante a Celebração da Santa Missa, o administrador paroquial, Revmo. Pe. Geraldo Menezes da Silva, o vigário paroquial, Revmo. Pe. Cláudio da Silva. Neste período o diácono Hélio Cristino Teixeira também começou na Paróquia São Sebastião seu estágio diaconal. A caminhada pastoral paroquial continuou no processo de sustentação pastoral, principalmente das comunidades menores. Pe. Cláudio da Silva atuou diretamente com as pastorais de base. A comunidade paroquial se mostrou carente de um pastor perto do povo.


No dia 01 de maio de 2006, Pe. Hélio Cristino Teixeira tomou posse como administrador paroquial. Hoje, a Paróquia conta com 16 comunidades geograficamente bem situadas de modo a atender bem a população católica. Há um grande incentivo no trabalho missionário junto às comunidades. Devido ao fato de Juatuba ter uma forte presença de migrantes, há uma necessidade de buscar pessoas que chegam e trazem uma caminhada de Igreja, para que não fiquem escondidas, à margem da vida pastoral paroquial.

Atualmente a paróquia é assistida pelo Padre Aldair e Padre Rosimar.


 

 

Parceiros